Residentes Muros

Mutirao do feijao_ Muro de Protecao Gamboa de Baixo/ por Anne Solimar

PDSC04570

Hoje a partir das 9h, 27 de abril de 2013, junto a outras mãos, “plantaremos” no Muro do Gamboa de Baixo; território a ser compartilhado e representado também com bons frutos.

Em um movimento festivo, servido de alimento tradicional inplantaremos uma nova proteção.

Está confirmado! Espada de Ogum, Espada de Oxóssi e Espada de Iansã ali estarão, abrindo em algum tempo as portas para ondas renovadas, acobertada com o manto do mar de um som continuo, que banha com força o forte, as casas e os habitantes desse lugar.

Que Oxalá abençõe nossas sextas para que das armas não saiam fogo e assim aos sábados possam as mães cuidarem dos seus.

Deixemos as espadas e armas para os santos, com tantas coisas vindas daqui e dali.

Dexemos o fogo para o dia que desde o amanhecer ilumina as particulas que caem  para formar na terra um corpo d’água.

Deixemos os corpos verdes subirem, para subirmos com eles, comer seus frutos, esquecer e encontrarmo-nus em algum lugar do alto um galho confortável ou quem sabe um ninho.

DSC04475

DSC04454

DSC04481